Irmã de jovem estuprada em BH demonstra indignação com conduta de motorista - PORTAL DE NOTÍCIAS RITMO CULTURAL

Page Nav

HIDE

Últimas notícias:

latest

Irmã de jovem estuprada em BH demonstra indignação com conduta de motorista

O caso aconteceu na madrugada de sábado (29/7) para domingo (30/7) quando a jovem voltava de um show de pagode no Mineirão. (foto: Câmera de...

Câmeras de segurança mostram jovem sendo deixada desacordada na calçada por motorista de aplicativo
O caso aconteceu na madrugada de sábado (29/7) para domingo (30/7) quando a jovem voltava de um show de pagode no Mineirão.(foto: Câmera de segurança / Divulgação)

A irmã da jovem de 22 anos que sofreu estupro na madrugada de sábado (29/7) para domingo (30/7) demonstrou indignação com a conduta do motorista de aplicativo, que deixou a vítima desacordada no meio da rua. “Sem sombra de dúvida que estuprador foi quem cometeu o ato, mas a minha irmã só foi estuprada porque o motorista de aplicativo colocou ela lá. Então a culpa do estupro da minha irmã é do motorista, eu acho que ele é o maior culpado de todos”, afirmou ela, que não quis se identificar.

Segundo ela, o motorista foi omisso com a situação da jovem, que veio desacordada para casa, dentro do automóvel, após sair de um show de pagode no Mineirão. Câmeras de segurança flagraram o momento em que o motorista de aplicativo, junto de um motociclista que passava no local, retira a jovem do carro e a deixa na calçada do bairro Santo André, Região Noroeste de Belo Horizonte. Momentos depois, o suspeito de estuprá-la aparece carregando-a nas costas.

“Se ele (o motorista) não tivesse colocado a minha irmã na rua desacordada em um lugar perigoso, ermo, em frente À casa dela mas em um lugar próximo à entrada de favela, ponto de tráfico de drogas, isso não tinha acontecido”, acrescenta a irmã.

A jovem foi encontrada desacordada e seminua no campo do Grêmio Mineiro, no Bairro Santo André, na Região Noroeste de Belo Horizonte, na manhã deste domingo (30/7). A jovem, que não tinha ferimentos aparentes, foi encaminhada por uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) ao Hospital Municipal Odilon Behrens, na região Noroeste da capital, onde foi constatado que ela foi estuprada.

Conforme relatos da família da vítima, neste sábado (29/7), ela estava em um evento de pagode que aconteceu no Mineirão, na Região da Pampulha, quando por volta das 2h, decidiu ir embora. A jovem teria ingerido grande quantidade de bebida alcoólica e, na volta do show, os amigos dela a colocaram, sozinha, em um carro de aplicativo e compartilharam a localização da viagem com o irmão dela.

As câmeras de segurança do bairro mostram a linha do tempo do crime. Às 3h da manhã, o motorista de aplicativo chega no endereço de destino, na Rua Mendes de Oliveira, e tenta, sem sucesso, interfonar na casa da jovem. Após alguns minutos de insistência, o homem solicita a ajuda de um motociclista que passava por perto para retirá-la do carro, momento em que senta a jovem encostada em um poste da rua. 

Por volta das 3h22, as câmeras registram o momento em que outro homem aparece na rua. Ele observa o movimento e, às 3h24, coloca a mulher nos ombros e a carrega por alguns quarteirões do bairro. Cerca de 15 minutos depois, por volta das 3h36, câmeras de outros pontos do bairro flagram o homem ainda caminhando com a jovem nas costas.

As imagens foram obtidas com a ajuda da família, que afirma que a polícia tem feito um trabalho exemplar nas investigações. “As ações da Polícia Militar e da Polícia Civil estão sendo um exemplo. Nós da família corremos atrás de todas as imagens que poderiam ajudar a polícia", afirma a irmã da jovem. 

O suspeito foi preso na noite de domingo. Em nota, a Polícia Civil afirmou que foi efetivada 
a prisão em flagrante do homem de 47 anos por estupro de vulnerável. O suspeito foi encaminhado para o sistema prisional e possui audiência de custódia marcada para esta terça-feira (1º/8). “A investigação prossegue para completo esclarecimento dos fatos pela equipe da Delegacia Especializada de Combate à Violência Sexual em BH”, finaliza a nota da Polícia. 

Siga o Portal de Notícias Ritmo Cultural nas redes sociais: FacebookTwitterInstagramWhatsapp.
 
Fonte em.com.br

Nenhum comentário