Balanço 2023: Família e Juventude no radar das políticas públicas do DF em 2023 - PORTAL DE NOTÍCIAS RITMO CULTURAL

Page Nav

HIDE

Últimas notícias:

latest

Balanço 2023: Família e Juventude no radar das políticas públicas do DF em 2023

“O ano de 2023 foi de muito trabalho e desafios para a Secretaria da Família e Juventude (SEFJ). Sob a confiança do nosso governador Ibaneis...


“O ano de 2023 foi de muito trabalho e desafios para a Secretaria da Família e Juventude (SEFJ). Sob a confiança do nosso governador Ibaneis Rocha, assumimos o compromisso em colocar a família e a juventude no lugar de destaque das políticas públicas do DF.

Recebemos também a incumbência em promover a regularização fundiária dos templos religiosos, demanda que ganhou a devida importância com o atual governo. Para isso, iniciamos uma frente de escutas públicas com os setores. Foi essencial o diálogo com quem realmente sente os impactos das tomadas de decisão.

 

No âmbito da regularização fundiária, realizamos três oficinas educativas sobre o uso da moeda social, tendo alcançado em média 100 gestores e representantes de entidades religiosas. O projeto deu tão certo que continuaremos em 2024. As ações refletiram na assinatura de cooperação técnica entre as entidades e a SEFJ, além da intensificação da busca ativa que contabilizou 213 ao longo do ano, com 150 reuniões de acompanhamento processual da Secretaria junto aos templos em situação irregular para maior agilidade nos processos de regularização.

 

 

Os projetos para a Juventude destacaram-se pelo fortalecimento do programa Jovem Candango. Iniciamos o ano com 1.326 contratados e finalizamos 2023 com mais 1.640 jovens de 14 a 18 anos com a primeira oportunidade profissional nos órgãos do GDF, totalizando 2.164 jovens trabalhando nos órgãos do GDF, incluindo o número de reposições realizadas. Para os primeiros meses de 2024, está prevista o preenchimento total das 1800 vagas anunciadas no último processo seletivo.

 

Somado a isso, a SEFJ realizou audiências públicas em todas as regiões administrativas para a construção do Plano Distrital da Juventude (PDJ), que ouviu mais de 2 mil estudantes do ensino médio e coletou mais de 100 propostas apresentadas pelos jovens. As indicações poderão nortear as políticas públicas pelos próximos anos.

 

 

Certificamos mais de 70 empresas com o Selo da Juventude que reconhece o empenho desses locais na contratação e treinamento de jovens sem experiência profissional. 

 

 

Também realizamos a Conferência Distrital de Juventude. Já na esfera da Família, criamos o Fórum Distrital de Políticas Públicas para Famílias Sustentáveis, seguindo as diretrizes apresentadas na “Declaração de Veneza de Cidades Inclusivas para Famílias Sustentáveis” com o objetivo de tratar os desafios e as demandas desses núcleos. 

 

 

 

Fomos agraciados com o reconhecimento da Controladoria Geral do DF por alcançarmos 100% no Índice de Transparência Ativa – ITA. 

 

O próximo ano nos apresenta de forma promissora. Temos projetos encaminhados projetos importantes como o bolsa universitária. As famílias e os jovens do DF podem contar conosco!”

 

Rodrigo Delmasso, secretário de Estado da Família e Juventude do Distrito Federal.


Da redação do Portal de Notícias com a fonte da  Secretaria da Família e Juventude (SEFJ)

Nenhum comentário